Bem Vindo ao Notícias Virtuais - 20 de Setembro de 2018 - São 22:44Horas

Cidades

Índice de infestação do Aedes Aegypti cai para 1,2% em Sinop; redução foi de 77%

Contra a Dengue | 02/05/2018 22h 03min

A Prefeitura de Sinop, por meio do Setor de Endemias da Secretaria Municipal de Saúde, finalizou no mês de abril o Mutirão Contra a Dengue. Ao término da ação, foi realizado o Levantamento de Índice Rápido por Amostragem (LIRAa) e identificada uma redução de 77%, no índice de infestação do mosquito Aedes Aegypti no município.

O mutirão começou no dia 6 de fevereiro deste ano, quando o índice de infestação do mosquito no município era de 3,6%. Já em abril, após o LIRAa, o índice apontado pelo Setor de Endemias é de 1,2%.

Para a realização do mutirão, a Secretaria de Saúde contou com o apoio das Secretarias Municipais de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável e Secretaria de Obras e Serviços Urbanos. Durante 49 dias úteis de trabalho, foram coletados 174 caminhões caçambas de lixo específico que estavam dentro dos quintais e em terrenos baldios da cidade.

No quadrilátero central, as equipes do mutirão atuaram em conjunto com a Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL), Associação Comercial e Empresarial de Sinop (ACES), Tiro de Guerra e Corpo de Bombeiros, onde foram inspecionados 1.530 imóveis, em 54 quarteirões, e eliminados 22 focos do mosquito, a grande maioria sendo em calhas. Também foi aplicado 01 notificação através dos Fiscais da Vigilância Sanitária.

Mesmo com o final do mutirão, as equipes da Secretaria de Saúde seguem com as ações contínuas de combate ao mosquito, que é transmissor de doenças como a dengue, zika vírus e chikungunya.

 

Notificações

Em Sinop, conforme dados da Vigilância Epidemiológica, neste ano, até esta quarta-feira (02/05), foram notificados 220 casos suspeitos de dengue, sendo que 113 ainda estão em investigação, 60 já foram descartados e 47 casos confirmados da doença, não sendo registrado nenhum caso grave e nem óbito.

Em 2017, em Sinop, foram confirmados 410 casos de dengue, sendo que desses oito foram de dengue com sinais de alarme e dois casos graves da doença.

No caso da chikungunya, até abril, em Sinop, foram cinco casos suspeitos notificados, sendo três confirmados e dois descartados. Em 2017, foram três notificações da doença, sendo todas descartadas.

O vírus da zika, no ano passado, foram confirmados três casos da doença em Sinop e, neste ano, são quatro casos suspeitos notificados, sendo que todos foram descartados.

 

Fonte:   Da assessoria